A execução de aplicativos em nuvem também é descomplicada, pois terceiros se encarregam do gerenciamento e do dimensionamento do servidor. Além de libertar o desenvolvedor de dores de cabeça de gerenciamento de servidor, os especialistas consideram a arquitetura sem servidor mais segura. A razão é simples; provedores de back-end experientes podem lidar com problemas de segurança com mais eficiência. O back-end é um termo geral usado para descrever os recursos de hardware, infraestrutura de rede e tecnologia de software que alimenta um aplicativo ou site.

back-end

No que é formado um desenvolvedor back end?

Esse servidor é apenas um computador, como aquele que você mesmo usa para navegar na internet. Ele, no entanto, foi ajustado para o desempenho, não tendo componentes desnecessários como um mouse ou teclado anexado. Ele também fica com milhares de outros computadores, provavelmente em um depósito de dados. Meu artigo anterior descreveu como você pode entrar no desenvolvimento em front-end (texto em inglês). Ele também discutiu como o front-end pode ser um lugar cheio de perigos – pisar no lugar errado e você ficará sobrecarregado com os muitos frameworks do ecossistema do JavaScript. A melhor plataforma para aprender tecnologia no Brasil agora faz parte da maior escola de idiomas da América Latina.

Ferramentas e Tecnologias Essenciais para um Desenvolvedor Back-End: Guia Completo Para Iniciantes

Um desenvolvedor backend trabalha no servidor, banco de dados e APIs por trás de uma aplicativo web. Os desenvolvedores frontend trabalham nas partes do site que o usuário vê e interage com ele. Isso também é às vezes chamado de desenvolvimento no lado do cliente ou no lado do navegador. Tecnologias como Desenvolvimento web além do comum: Explorando a criatividade na programação servidores, bancos de dados e APIs permitem que recursos como uma interface de usuário funcionem. O salário de um desenvolvedor back end pode variar consideravelmente, dependendo de fatores como localização geográfica, nível de experiência, habilidades técnicas, tamanho da empresa e demanda no mercado.

– Linguagem backend: TypeScript

  • Um backend developer trabalha com bancos de dados para armazenar e recuperar informações relevantes para o sistema.
  • Com o aumento constante de ataques hackers e vazamentos de dados, a segurança se tornou uma preocupação central para as empresas, o que torna os desenvolvedores back end ainda mais essenciais.
  • A arquitetura de back-end sem servidor possui servidores que são operados por terceiros que lidam com as implantações e o gerenciamento do servidor.
  • Hoje, muitos provedores na nuvem também oferecem um teste gratuito decente, para que você possa realmente experimentar a plataforma deles antes de entrar em pleno funcionamento.
  • Sua experiência é extremamente importante para o bom desempenho das aplicações.

Mesmo em um ambiente completamente estático (apenas com HTML/CSS), quando alguém abre um site da web, algum servidor no planeta precisa responder a você com esses arquivos HTML e CSS. A fluência em determinadas tecnologias é indispensável para quem deseja se aventurar no território do desenvolvimento back-end. Essas tecnologias formam o conjunto de ferramentas com as quais os desenvolvedores constroem as fundações de aplicações robustas e escaláveis. Um backend developer é responsável por testar e depurar o código para garantir o bom funcionamento do sistema.

  • O back-end é uma parte vital de cada plataforma de aplicativo; é o mecanismo que processa as solicitações de informações e entrega a saída aos terminais do cliente.
  • Um desenvolvedor back-end precisa ser proficiente em pelo menos uma linguagem de programação.
  • As doações feitas ao freeCodeCamp vão para nossas iniciativas educacionais e ajudam a pagar servidores, serviços e a equipe.
  • A segurança é uma preocupação importante para qualquer aplicativo ou website.

Quais as diferenças entre as linguagens front-end e back-end?

A linguagem C++ é usada para a construção de sistemas operacionais, jogos, aplicações https://pbvale.com.br/tecnologia/desenvolvimento-web-alem-do-comum-explorando-a-criatividade-na-programacao/ e mais. C é uma linguagem usada na criação de sistemas operacionais e aplicações back-end. Desse modo, é possível listar, editar, deletar e registar novas informações. As linguagens ainda permitem criar mecanismos de segurança, que validam o acesso da pessoa usuária e verificam se ela possui permissão para efetuar as ações que deseja. Essas aplicações são pontes que conectam as ações visíveis na interface do sistema com um servidor, que permite o acesso ao banco de dados.

– Linguagem backend: SQL

O que é uma linguagem back-end?

Leave a Reply